Podes Levar a Lex Para Casa

Capa do Livro

Hoje inicio com uma promessa.

Até já pareço política! A história da Lex vai terminar em e-book, e pode ser tua. Já tem capa, mas ainda falta uns detalhes para encerrar este capitulo da Lex e a meditação.

O anuncio e e-book era para ser hoje, mas a saúde deu-me as voltas. Acontece, não é nada que uma boa noite não cure. Ah! já me esquecia do melhor, será gratuita.

Até Sábado!

Quando a/o Ego falha

Características da/do Ego

A ego é a parte da nossa existência. Quando somos pequenos ajuda-nos a sobreviver, no entanto as ou os Egos não são perfeitos. Têm tendência de percecionar tudo no estremo. Se as afirmações ou opiniões são de acordo com os seus valores, então está tudo bem. Se vão contra aos seus valores, estamos perante um inimigo.
As suas opiniões, ideias, afirmações, valores são rígidos e inflexíveis.

A/O Ego quando falha encara como se tivesse cometido um erro fatal. Pode entrar na depressão e vitaminizar-se ou aumentar as atitudes agressivas, sendo estas físicas e ou verbais.

Consciência e Ego

Se a/o Ego é temperada/o com a consciência, recebe desta o toque da humildade, a compaixão e percebe que no meio termo é onde está a resposta possível e muitas das vezes a mais favorável para muitas das situações.
Mas se o “Eu” se identifica com a/o Ego, temos então o caso, como certo presidente que anda por ai com ideias de imperialismo. Mas isto é outra história.

Como identificar o que é Ego o que é consciência

O modo que se conhece para identificar, o que é Ego e o que é consciência, é com meditação frequente. O foco na respiração quando se medita, faz com que o/a Ego age de modo independente, provocando o acordar da consciência. A Meditação também é conhecida por abrandar a velocidade dos pensamentos e melhorar a qualidade dos mesmos. Por estas razões também benéfica para a redução da ansiedade.


No entanto aqui na história a Lex já conhece a Ego…que achas que vai acontecer?

Quando o ego exige atenção

O ego exige atenção sempre que sente perigo ou se acha que estamos em perigo.
Pessoas com ansiedade têm esta ligação, Ego e a emoção medo muito ativada. O que resulta numa pesquisa constante de procura de algo errado por parte da mente. E segundo os entendidos nisto quando procuramos, achamos.

O que fazer para sossegar a mente?


A meditação serve para sossegar a mente. Reduzir o estimulo e ligação Ego e emoção medo. Mas o meditar não quer dizer que o Ego cala-se.
Quer sim dizer que ficamos simplesmente no papel de observadores. O “Eu” fica consciente a observar as ideias, urgências, lembranças, perigos, lista das compras…. em resumo tudo que o ou a Ego, irá buscar mil e um artifícios para que esta observação do teu “Eu” não exista.
Resiste interagir.
Ao mesmo tempo que concentras-te em sentir o ar entrar, a sentir a encher o “fundo da barriga” e a sair. É o que a Lex está a fazer…

A Lex observa a Ego, mas será que vai atrás da conversa da Ego?

Se tiveres assim muita curiosidade para saber o que vai acontecer, vai na quarta feira ao facebook ou no Instagram. Durante a semana vou divulgando outros projectos e quadradinhos desta história da Lex.
Mas se puderes esperar… no próximo Sábado, Lex na meditação, continua.

Prancha de comic em construção



vamos às boa noticias Esta semana estive e estou a fazer a receita dos sonhos. Está a decorrer bem no entanto ainda estou com ajustes quando ao tempo.
Várias tem sido as experiências para alcançar uma melhor gestão …diz-me se for um assunto do teu interesse posso fazer um post sobre o assunto mais tarde. Mas vamos ao que interessa.

Mas não quiz que tu ficasses hoje sem noticias minhas e como vai o comic da receita. Por isso trago a primeira pagina em desenvolvimento.

A máquina de desenho digital (app ou wacom) também está apresentar problemas … o ink está dolorosamente lento, nada que não se possa resolver, mas são sempre contratempo que comem tempo!
Se já tiveste este problema com as a software ou wacom, conta-me como resolves-te. Por mim quando tiver a solução publico. Por aqui por hoje é tudo.

O que fazer com os pensamentos negativos que surgem na nossa mente

Quem já não teve dias, que se chamou todos os nomes feios e menos bonitos que conhecia? E tantas foram as vezes que o fizeste, que virou um habito.

Pois é! E como limitar ou mesmo eliminar situações como esta daqui de cima que hoje vou falar.
Estás preparada para aniquilar todos os teus maus pensamentos sobre ti?

Então vamos lá! Primeiro tens de saber que é normal.
Não és nada de estranha por ter esses pensamentos. Somente é algo que aprendeste e usas sem saber, mas faz mal à saúde ter pensamentos destes. Por isso quanto mais depressa esqueceres que aprendes-te, melhor!

Depois de devidamente equipada posso lidar com este tipo de pensamento tóxico. O fato protege-me contra este tipo de frases. Sei que surge na minha mente, mas se sei que é nocivo, não acredito, e logo devemos de o analisar. Por isso vamos o analisar!

Estas afirmações devem ser analisadas com perguntas.
Perguntas que questionem se é cem por cento verdadeira a afirmação criada pela mente. Perguntas como, se a afirmação descreve-te nos momentos de alegria? Ou naqueles momentos que ganhas-te algum prémio. Ou o teste positivo ou…qualquer coisas boa ou uma boa memória.

Estás a ver, não resistiu!Na verdade nunca resistem! As afirmações menos positivas que a tua mente se lembre, não podes nunca de te esquecer de as questionar, sempre! Se não concordas com o que a tua mente te diz, faz perguntas à mente sem medo.

Leva também em consideração que a tua emoção nesses momentos. Sabes que existem emoções que podem influenciar afirmações. Como quando estás triste ou frustrada..irra isto está alto!

Mas para tudo, existe sempre várias soluções. Pesquisa! E vais ver que encontras várias soluções para calar uma mente faladora. Meditar é uma outra solução.
Quanto mais a questionar as afirmações nocivas da tua mente, mais rapidamente vais perceber que existe certas coisas da mente que é melhor ignorar.
Mas porque é que tens essas coisas na mente?

Perguntas tu.
Descansa eu também fiz essa mesma pergunta.
Mas isso é assunto para outro pooosstAaahhhhhh!

Trata-se apenas de uma recomendação da autora, não medica, ou psicóloga. O texto foi inspirado nos ensinamentos dos livros Dr. Augusto Curry.

UrbanSketch com moscas

Olá! Nem advinham onde vamos hoje!
Com um dia tão bonito, não aguentei e sai de casa, vim para o sketch!
Já algum tempo andava a planear desenhar umas máquinas destas. E achei uma! Não podia perder esta chance!

Sabes, quero fazer objectos destes para depois mais facilmente imagino um robot.

Ora cá estamos! vamos ver bem o local… escolher o local é importante! tiro as medidas! Não vá a máquina ficar fora do papel!
vamos lá planear o sketch!

Agora! toca a desenhar! Hoje, não vou só desenhar, também tiro umas fotos. Livra o sol não deixa ver o ecran! será que está tudo? parece-me que sim!

Clic!

Irra! vai para casa mosca!
Mas as moscas e outros insectos não vão dar uma volta…. Já me tinha esquecido destas delicias de desenhar ao ar livre….Chou! saí daqui mosca!
E ainda falta toda a folhagem….como vou terminar…SAI MOSCA!

Aqui em casa está mais calmo!Sei que algumas pessoas dizem que sketch tem que ser todo feito no local! Mas devem viver em locais que não tem insectos na rua.
E para que serve poder tirar fotografias!…

E a folhagem está quase ….e já está!

Vejo-te no próximo fim de semana!